29 junho 2010

Uma orelhinha...

E no jantar de família no sábado a noite, fomos comemorar os aniversários da minha mãe e meu padrinho. Ambos irmãos.
Me sentei na última mesa com meus avôs.
Entre uma rodada de pizza e outra, minha Vó fez a seguinte pergunta: 
- Como você ta passando no frio?
Eu respondi que até que estava bem. Com casacos, cobertores... e logo ela me interrompeu e se aproximando mais de mim, com a voz bem baixinha, reformulou a pergunta:
- Cadê sua orelhinha pra esquentar nas noite frias?? Por que na verdade, é isso que esquenta mesmo.
E então eu fiquei com essa indagação martelando na cabeça;
- Cadê minha orelhinha pras noites de frio?

0 Comente Aqui:

Postar um comentário