07 setembro 2009

Jogo da Conquista


Um olhar, um bilhete, um beijo na mão.
Um interesse, um recado pelo amigo, um correio elegante.
Um abraço, uma carta de amor, um beijo roubado.
Uma música, um e-mail, juras de amor ao pé do ouvido!
Talvez, uma forma um pouco mais moderna...
Um fax, um telefonema ou um telegrama
Mas a conquista tem pressa
Eu tenho pressa de você!
Corre e mande SMS, scrap ou e-mail
Não importa o meio e sim o desejo
Até que chega o cara-a-cara!
Se veste com o melhor e mais bonito sorriso
Capricha nas palavras "sabiamente" balanceadas em engraçadas e inteligentes.
A mão treme, o ar falta, as palavras saem da boca, que repentinamente vira gaga!
Tudo parece estar errado.
Mas o 'ser' desastrado, também pode fazer parte da conquista
Depende da recepção da outra pessoa
As regras nesse jogo são livres!
E no decorrer do processo, elas vão sendo negociadas.
Mas é praticamente um vale tudo
Vale tudo pra ganhar um coração
O que fazer com ele depois que é o mais difícil
Talvez esse seja o verdadeiro jogo da conquista
Conquistar, de verdade, a dona do coração!
Bom, e como vale tudo, utilize de várias técnicas...
Comece com um olhar, um interesse, um bilhete enviado pelo garçon, ou simplifique com um e-mail Só não esqueça nunca de cantar uma música no pé da orelha, bem baixinho, como se fosse declamando!
Vale tudo!
Termine a conquista com um belo café da manhã levado na cama
E pronto, você venceu!
Virou o namorado perfeito!
O futuro marido,
até virar o falecido...

Nenhum comentário:

Postar um comentário